Curtas 2

No voo entre Estocolmo e Frankfurt, na Alemanha, um rapaz sueco sentou do nosso lado e coincidentemente, ele também viria para o Brasil no mesmo voo que eu e Maxwell. Tinhamos três horas de espera para embarcar e claro que rolou um fika. Conversa vai, conversa vem, o rapaz me ensinou dois trava-língua em sueco – agora, quero ver todo mundo repetindo comigo:

Sex laxar i en laxask

Sju sjuka sjömän sjöng en sång

conseguiram??? rs

♦♦♦

Sexta-feira (02/03), foi realmente o primeiro dia que procurei a tal farinha de durum, lembram-se que comentei aqui? Encontrei no supermercado Sonda, em São Bernardo. Fiquei tão feliz que trouxe comigo dois pacotes de 1 kg (gulosa!). Sábado passado (03/03) aconteceu a estréia da farinha e do livro, também citado no outro post. A pizza ficou bem gostosa e em breve mostro a receita!

♦♦♦

Semana passada consegui enfim decorar um tiquinho a parede da sacada. Coloquei dois vasos vermelhos, um com a flor que não sei nome (rs) e outro com uma kalanchoe rosa. Ando procurando idéias de decoração para sacadas, se alguém souber de algum site ou blog interessante que aborde o assunto, deixe um comentário!! Logo mais também mostro fotos das flores.

♦♦♦

E por falar em decoração, ontem com a ajudinha de minha mãe, coloquei o “porta correspondência” na porta! (claro!). Chega de abaixar pra pegar as cartas!! Eu havia feito esse “porta” em 2009, mas com a mudança para a Suécia nunca usei. Ficou bem bonitinho e ontem quando cheguei as cartas estavam lá acomodadas no local certo!! rs …depois mostro a foto pra vocês!

♦♦♦

Numa noite dessas sonhei com a frutinha usada para fazer o nyponsoppa, o lingonberry e uma outra plantinha vermelha muito comum lá em Ludvika mas que pelo que me falaram não é comestível. Eu estava explicando para alguém a diferença entre as frutinhas…será saudade???

♦♦♦

Só um lembrete: se eu escrevi o nome de alguma empresa ou produto, fiz por que quis e não ganho nada por isso; agora, fazer comentário com propaganda, me desculpe mas não publico e não faço mesmo. Quer que sua empresa apareça no Mundo da Mari? entre em contato para quem sabe fazermos uma parceria, mas de graça não, ainda mais produto ou serviço que não conheço. #ficaadica

Anúncios

Sobre marianapp

My life in the frozen land
Esta entrada foi publicada em Devaneios com as etiquetas , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , . ligação permanente.

2 respostas a Curtas 2

  1. A gente pode sair da Suécia, mas ela não sai da gente, né, Mari… Tenho certeza que depois de só um ano morando aqui se eu voltasse ao Brasil tbem acabaria sonhando eventualmente com os lugares, as comidas, as pessoas… não tem jeito. Qdo moramos fora entramos num jogo de saudade que maltrata o coração..rs… Quem sabe um dia se vier visitar o sul da Suécia podemos nos conhecer pessoalmente. Beijos.

    • marianapp diz:

      Fernanda, concordo com vc. A Suécia está marcada pra sempre na nossa vida…mesmo depois de anos morando no Brasil, vamos lembrar saudosistas da época de Suécia!! rs…
      Vc disse td…”vivemos sempre num jogo de saudade q maltrata o coracão”…Mas demorei tanto a responder seu comentário q não é q estou de volta à Suécia???? vai entender…rs Bjs

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s